Tiradentes

Onde comer em Tiradentes: Pacco & Bacco

paccobacco-capa

Onde comer em Tiradentes: Pacco & Bacco

Andando pela Rua Direita, entre as janelas coloridas de Tiradentes, eis que a pessoa se depara com um restaurante com cara de internacional com um salão lindo exposto através de uma espécie de vitrine. E olha lá dentro as luzes de velas, a decoração elegante e intimista, o ambiente requintado e aconchegante. Era o Pacco & Bacco, já começando a mexer com a imaginação do nosso estômago (gente, isso existe?!)

Pacco e Bacco - Tiradentes

Vista da Rua Direita: vontade de entrar?

Salão Principal - Pacco & Bacco - Tiradentes

O Salão principal (foto do site oficial)

Além do salão que tínhamos visto, o ambiente se estende para outras duas salas e uma ala externa. Tudo com o mesma sofisticação. Acrescentando que agora dá para ouvir a música ambiente muito bem harmonizada com todo o restante.

Outro dos ambientes - Pacco e Bacco - Tiradentes

Outro dos ambientes

Área externa - Pacco e Bacco - Tiradentes

Área externa

#dicadeviajante

Especialmente para o jantar, o salão principal, com vista para a Rua Direita, é bastante procurado e, mesmo chegando no Pacco & Bacco na hora de abertura, dificilmente consegue-se lugar, pois ficam todos reservados. Siga o exemplo, reserve. E se não for chegar cedo, aí reserve mesmo! No meio da noite, a sala de espera fica lotada.

Embora o espaço seja grande distribuído em vários ambientes, você tem facilidade de chamar os garçons/garçonetes, que ficam à disposição em cada ala do local e estão super preparados para te responder sobre os pratos e dar sugestões. Assim, que a hostess te acomoda, um deles virá te oferecer o cardápio, a carta de vinhos e uma água.

Aqui já peço desculpas, o Pacco & Bacco não é só um restaurante, mas um wine bar. Para quem curte um bom vinho, o lugar é perfeito! A carta de vinhos é bastante variada, com tintos, brancos e rosés de diversas nacionalidades.

Wine Bar - Pacco e Bacco - Tiradentes

Você vai no Wine Bar e toma aquele vinho…

A culinária é internacional, com massas, preparações de carnes diversas, saladas e até hambúrguer como prato principal, sendo difícil não agradar a alguém. O menu é revisto a cada estação e sempre traz suas novidades. Nas entradas, há as opções individuais ou para duas pessoas. Os pratos principais e sobremesas apenas possuem versões individuais.

As porções são como o descrito: para dois é para dois, para um é para um. Mas como fazer um jantar completo com entrada, prato principal e sobremesa é uma boa pedida por aqui, quem não come tanto, acaba optando por dividir. Ao contrário de muitos lugares, os garçons não fazem cara feia se você decidir por isso.

Cada etapa da refeição tem uma apresentação caprichada e é uma viagem para o paladar! Pedimos de entrada a tábua de queijos, onde destaco o delicioso camembert empanado, que vem acompanhada de pães e uma geléia de vinho maravilhosa. Um bom vinho tinto acompanha muito bem essa entrada. No meu caso, fui de Merlot chileno. Resultado, combinação perfeita.

Tábua de Queijos - Pacco e Bacco - Tiradentes

A entrada: tábua de queijos

Como prato principal, dividimos uma costela de cordeiro divino. E, admito, esse nome super combina com o prato. Carne muito bem preparada servida com arroz piemontese.

Cordeiro divino - Pacco e Pacco - Tiradentes

O prato principal: Cordeiro Divino (já tinha comido metade…)

A sobremesa foram os petit profiteroles, recheados com doce de leite (tô em Minas, né?) e acompanhados de sorvete caseiro. Sugestão certeira da mocinha que nos atendia! Mas confesso que fiquei curiosa com o mousse de coco e frutas frescas… Quem experimentar, me conta, por favor!

Profiteroles - Pacco e Bacco - Tiradentes

A sobremesa: profiteroles

PREÇÔMETRO

O restaurante é chiquetoso e os custos correspondem, mas não chega a ser dos mais caros da cidade. Na verdade, considero os preços justos por todo o serviço oferecido.

Falando de valores, Nossa tábua de queijos (para duas pessoas) foi R$ 39, a costela de cordeiro divino, R$ 79, e os profiteroles, R$ 20. A faixa de preços dos pratos é mais ou menos essa mesmo.

Os preços dos vinhos não divergem muito do que a gente acha comprando por fora. As mais baratas são as versões de 1/4 de garrafa por R$ 28. Minha meia garrafa de Merlot chileno foi R$ 38. Mas há garrafas vinhos refinadíssimos que ultrapassam a faixa dos R$ 300.

Para os motoristas da vez ou quem não bebe, tem os refris custam R$ 6 e, pelo mesmo valor, a água 300 ml oferecida pelos garçons.

INFORMAÇÕES PRÁTICAS
Funcionamento Segunda a Quinta – 19h às 22h30

Sexta e Sábado – 19h às 23h30

Endereço  Rua Direita, 166
Telefone (32) 3355-1136/99920-1216
Site www.paccobacco.com.br
E-mail reservas@paccobacco.com.br
Formas de pagamento Cartão de crédito/débito (visa/mastercard) e dinheiro
dayanalole Administrator

Apaixonada pela vida, tenta viver a expressão "carpe diem". Acredita que cada viagem é um meio de aprender mais sobre a humanidade e o seu próprio eu, por isso ama pôr o pé na estrada. Gosta de contribuir para que outras pessoas tenham experiências cada vez melhores de viagem, por isso quando sabe que um amigo vai viajar, já vem com sua listinha de dicas. A melhor viagem? É sempre a do momento.

Deixe um comentário

© Copyright 2014-2017 Lolepocket. Todos os Direitos Reservados.