Tailândia

Como circular em Bangkok | Um guia sobre os barcos da cidade

Como circular em Bangkok

Como circular em Bangkok | Um guia sobre os barcos da cidade

As linhas de barco são uma boa opção para fugir do trânsito caótico de Bangkok e chegar aos pontos turísticos da cidade sem estresse. O transporte se estende pelo rio Chao Phraya e pelo canal Saen Saep, os principais da cidade.

Quando comparada a outros meios de transporte de Bangkok, esta forma de viajar é a mais barata. E, falou em barateza, a gente vai lá investigar.

Como funcionam os barcos de Bangkok?

As linhas

As embarcações principais circulam pelo Rio Chao Phraya e são operadas pela Chao Phraya Express Boat.

Os itinerários vão depender das linhas, que são separadas em 5 tipos. E não existe uma regra uniforme para horários de funcionamento e custos. Eles variam conforme a linha: algumas cobram valores diferentes conforme a distância, outras preferem usar valores fixos. Para não se enrolar, é bom ficar antenado.

E, mais um motivo para estar por dentro da coisa toda: dificilmente (para não dizer nunca…) você vai ver os anúncios feitos aos gritos pelos funcionários que controlam o fluxo de gente que entra e sai das embarcações em inglês. Não, vai ser em tailandês e salve-se quem puder!

Como circular em Bangkok - embarcação

Uma das embarcações atravessando o rio

Então, dito isso, as linhas das embarcações em Bangkok são as seguintes:

Verde

Essa é a linha com a rota mais longa, indo da Sathorn (Taksin) até a Pakkred. Ela é mais interessante para quem está indo trabalhar na cidade, até por conta do seu horário de funcionamento: bem na hora do rush.

Funcionamento: Dias úteis, das 6h10 às 8h10 e das 16h05 às 18h05.

Custo: 13 (Pakkret – Nonthaburi), 20 (Nonthaburi – Sathorn) ou 32 B (Pakkret – Sathorn)

Amarela

A linha mais rápida de todas. Mas, infelizmente, não pára em estações tão interessantes para quem quer turistar por Bangkok. É outra linha que funciona bem para o trabalhador na cidade.

Funcionamento: Dias úteis, das 6h15 às 8h20 e das 16h às 20h.

Custo: 20 (Nonthaburi – Sathorn, Rajburana – Rajchawangse) ou 29 B (Rajburana – Nonthaburi)

Como circular em Bangkok - Horários

Os horários das embarcações

Azul

É a Tourist Line, ou seja, feita para o turista na cidade. Ela funciona como uma espécie de passeio turístico, com direito a guia em inglês falando sobre os pontos altos da cidade.

Dá para ir de uma ponta a outra das paradas mais interessantes pelo Chao Phraya. Mas, sinceramente, se for para fazer isso, melhor pagar por um dos tours com jantar pelo rio. Vai ser mais estiloso, com direito a admirar o skyline de Bangkok todo iluminado.

Agora, um detalhe interessante que vale saber: a linha pára apenas nas estações em que os passageiros se manifestam para descer ou se há pessoas para embarcar. Por isso, fique atento à pergunta feita pelo guia, querendo saber quem vai ficar em alguma das paradas.

Além disso, essa é uma das embarcações mais bonitinhas e que comportam mais gente.

Funcionamento: Todos os dias, das 9h às 19h.

Custo: 40 B por viagem.

Laranja

Essa é a linha que une o útil ao agradável: funciona todos os dias, passa pelos píers mais interessantes turisticamente e, ainda, é muito boa para o bolso (#alertabarateza).

Funcionamento: Todos os dias, das 6h às 19h.

Custo: 14 B por viagem.

“Sem Bandeira”

Essa linha pára em todos os píers entre Wat Rajsinkorn e Nothanburi. Mas também é outra que só funciona na hora do rush.

Funcionamento: Dias úteis, das 6h45 às 7h30 e das 16h às 16h30.

Custo: 10, 12 ou 14 B (depende da distância)

Como circular em Bangkok - Mapa

Mapa das estações (fonte: Big Boy Travel)

Mas, como faz para identificar essas linhas todas na hora? Você vai conseguir ver qual a embarcação pelas cores das bandeiras na popa de cada uma. Facilitou, né?

Pagamento: É bom se ligar nesse detalhe!

O pagamento das embarcações pode ser feito diretamente nas “bilheterias” dos píers ou diretamente dentro do barco, quando um cobrador passa agitando uma latinha cheia de moedas como forma de cobrança.

Quando fizer o pagamento, você deve receber um ticketzinho. Guarde-o com carinho, pois ele é o comprovante do seu pagamento e, no caso de mudança de cobrador, você poderá apresentá-lo.

Para fechar a seção das dicas do pagamento: tenha dinheiro trocado. Nem sempre o cobrador vai ter troco e isso pode te fazer perder um dinheiro, pois eles costumam arredondar para cima.

Como circular em Bangkok - Pagamento

Tenha dinheiro trocado para pagar o bilhete

O Golpe

Uma prática que pode ocorrer nos píers é a tentativa de venda dos bilhetes para a linha azul, a mais cara de todas, sob a justificativa de que a linha desejada não está funcionando.

Não caia nessa: se estiver dentro do horário de operação, pode aguardar que a embarcação vai vir.

Pegando a embarcação nos píers

Esse é um ponto que precisa ser reforçado. Se você tem interesse em estar em qualquer lugar da cidade em determinado horário, saia cedo. Ainda mais se for em horário de rush!

As embarcações são sujeitas a lotação e se você chegar muito em cima, vai ficar a ver navios (eita trocadilho bendito! :P).

Como circular em Bangkok - Píer

A entrada do píer de Sathorn (Taksin)

Além disso, fique ligado, já que na espera das embarcações, por mais que tente se organizar uma fila, ela não acontece. Nas horas de maior movimento, então, tudo fica mais tumultuado. Para completar, ainda tem sempre um espertinho que chega depois mas vai parar lá na frente.

Outros tipos de embarcações

Além dessas linhas regulares, existem outros tipos de embarcações que você encontra à sua disposição nos píers do Chao Phraya. Dependendo do seu momento e interesse, pode ser que valham a pena.

Travessia do Rio

Existem barcos em alguns píers do Chao Phraya que possibilitam a travessia de uma margem a outra do rio. Normalmente, eles partem a cada 10 minutos e cobram o valor de 4 B pelo trechinho. O pagamento é feito nas bilheterias das estações.

Long Tail Boats

Para quem tem interesse de explorar o rio principal de Bangkok e os canais nos arredores fazendo um passeio exclusivo, é possível negociar um dos famosos long tail boats. Você pode encontrar alguns deles nos píers no entorno do rio. Os custos, geralmente, são fixados por hora e podem ser negociados com o condutor. Por isso, aproveite para barganhar!

Como circular em Bangkok - Long Tail Boats

Long Tail Boat

Hotéis e Restaurantes

Alguns hotéis e restaurantes em Bangkok oferecem o transporte entre eles e outros píers gratuitamente. Esse é o caso da Asiatique, por exemplo, com horários que se estendem além do funcionamento das linhas de barco comuns. Isso facilita muito a vida, né não?

Acharam os barcos uma boa opção de como circular em Bangkok?

dayanalole Administrator

Apaixonada pela vida, tenta viver a expressão "carpe diem". Acredita que cada viagem é um meio de aprender mais sobre a humanidade e o seu próprio eu, por isso ama pôr o pé na estrada. Gosta de contribuir para que outras pessoas tenham experiências cada vez melhores de viagem, por isso quando sabe que um amigo vai viajar, já vem com sua listinha de dicas. A melhor viagem? É sempre a do momento.

21 comentários

  • Matheus Crespo
    Postado em 22/01/2017 em 6:11 Responder

    Que guia mais sensacional, fui à Bangkok e adorei andar de barco, achei prático, conveniente e um passeio bem gostoso, com um visual bem bonitão.
    Essas dicas estão maravilhosas.

  • Aline Pinheiro
    Postado em 27/01/2017 em 2:20 Responder

    Excelente post! Perfeito! Eu amo andar de barco. Já vi q adoraria esse destino =)

    • dayanalole
      Postado em 01/02/2017 em 10:29 Responder

      Obrigada, Aline!!! 🙂
      Realmente, um prato cheio para quem curte um barquinho. hahaha

  • Juliana Brandao
    Postado em 27/01/2017 em 2:33 Responder

    Bangkok está na minha wishlist. Já estou anotando as dicas!! 🙂

    • dayanalole
      Postado em 01/02/2017 em 10:30 Responder

      Que ótimo, Ju!!! Espero mesmo que te ajudem. 🙂

  • Cristina e Renato
    Postado em 27/01/2017 em 3:56 Responder

    Também adoramos nos deslocar de barco, um trajeto comum acaba se tornando um passeio! Parabéns pelo post, super bem detalhado e com várias informações úteis. Abraços.

    • dayanalole
      Postado em 01/02/2017 em 10:39 Responder

      Obrigada, queridos!!!
      Quem diz não a um bom passeio, né? Na trip, a boa é curtir cada detalhe mesmo. 🙂

  • Flávia Donohoe
    Postado em 28/01/2017 em 7:36 Responder

    como sempre post super completíssimo, já tinha lido bastante sobre os barcos da capital tailandesa e quero muito utilizar o serviço quando for à cidade!
    ótimo post Day. Beijos

    • dayanalole
      Postado em 01/02/2017 em 10:22 Responder

      Obrigada, Flavinha!!! 🙂
      Espero que possa ir logo!

  • Josiane Bravo
    Postado em 29/01/2017 em 3:53 Responder

    Que maravilha este guia, bem informativo e detalahdo. Sonho em conhecer a Tailândia, e Bangkok está nos planos. Adoro passeio de barco, algo que para mim é melhor do que o trânsito caótico das grandes cidades. Só uma pena sobre esse golpe, obrigada por essa informação, vou lembrar dela quando for para lá 🙂 Beijos

    • dayanalole
      Postado em 01/02/2017 em 10:19 Responder

      Com certeza, melhor que trânsito é mesmo. hahaha
      Bom ajudar! :*

  • Maíra Silveira
    Postado em 29/01/2017 em 5:00 Responder

    Post super completinho, ótima seleção e dicas e temas! Amei! Quero já ir pra Bangkok!

    • dayanalole
      Postado em 01/02/2017 em 10:18 Responder

      Bora, então?! 🙂

  • Cynara Vianna
    Postado em 29/01/2017 em 6:01 Responder

    É muito bom encontrar posts assim, dicas bem explicadas que ajudam muito aos viajantes que estão em busca de informações práticas que ajudam na programação do roteiro. Adorei.

    • dayanalole
      Postado em 01/02/2017 em 10:18 Responder

      Obrigada, queridaaaaa!
      É bom também saber que tô ajudando de algum modo. 🙂

  • Taís Ribeiro
    Postado em 29/01/2017 em 6:40 Responder

    Adorei o post, Dayana.. bem detalhado, um super guia pra quem for pra Bangkok. Utiliazar os barcos como meio de transporte é algo bem diferente pra gente.. e que com certeza indo pra esses lados eu adoraria conferir também. E achei otimo você também avisar dos golpes que rolam!

    • dayanalole
      Postado em 01/02/2017 em 10:17 Responder

      Obrigada, Taís! Sim, para a gente é bem diferente. Mas acho que dá para tirar de letra, já tendo uma noçãozinha básica, né? 🙂 Brasileiro se vira super! hahaha

  • Katarina Holanda
    Postado em 30/01/2017 em 12:07 Responder

    Eu nunca fui pra um país onde não costumavam falar em inglês ou espanhol nos passeios, deve ser muito diferente, haha. Tem que ficar atenta mesmo, especialmente com esse golpe. :/ Ótimas dicas!

    • dayanalole
      Postado em 01/02/2017 em 10:12 Responder

      Bastante! Mas é bem legal se virar por lá. Dá até um orgulhozinho. hahaha

  • Edson Amorina Jr
    Postado em 04/02/2017 em 11:42 Responder

    Muito bom, Dayana, post bem completo. Estamos planejando fazer nossa viagem para a Asia no ano que vem, vai ajudar bastante.

    • dayanalole
      Postado em 09/02/2017 em 9:51 Responder

      Ah, que ótimo! Fico super feliz em ajudar! 🙂

Deixe um comentário

© Copyright 2014-2017 Lolepocket. Todos os Direitos Reservados.