Rio de Janeiro

7 praias do Rio de Janeiro para curtir o verão como os cariocas

Praias do Rio de Janeiro - Capa

7 praias do Rio de Janeiro para curtir o verão como os cariocas

As praias do Rio de Janeiro devem estar na cabeça de basicamente qualquer turista que aterrisa na cidade. Na verdade, devem estar na listinha de musts de todo mundo que visita o Brasil. Afinal, quem nunca sonhou em passar um Reveillón nas areias de Copacabana?

As terrinhas cariocas são abençoadas com sol quase que o ano todo. Então, em qualquer feriado, final de semana ensolarado ou durante as férias de verão, espere encontrar praias bem habitadas do amanhecer até a noite. Porque ser carioca tem dessas delícias de madrugar para chegar na praia e curtir o nascer do sol ou ficar esperando até que ele se ponha para ver outro espetáculo.

E, pensando nisso, que fizemos essa listinha das 7 melhores praias para curtir um banho delícia de mar em pleno Rio de Janeiro.

A seleção das 7 praias do Rio de Janeiro

#1 Ipanema e Arpoador

A mais charmosinha da cidade tinha que encabeçar a lista. Ela foi imortalizada pela música “Garota de Ipanema”, que você vai ouvir na música ambiente de vários restaurantes e hotéis mundo a fora. A praia do Arpoador entra junto na lista porque é praticamente uma extensão dela.

A praia costuma ser frequentada por famílias da classe média alta do Rio. Além disso, é muito bem estruturada com quiosques, restaurantes e bares nos arredores. Para quem vai com crianças, o atrativo fica nas proximidades da Praça Nossa Senhora da Paz, onde elas encontram uma área para se divertir.

Já o Arpoador, reúne admiradores de pores-do-sol e a galera que curte um mergulho submarino, por conta dos animaiszinhos que dá para ver por lá.

Praias do Rio de Janeiro - Arpoador

Um pôr-do-sol do Arpoador (foto: Flickr/Carine Felgueiras)

O que não perder

– Assistir ao pôr-do-sol da pedra do Arpoador, um dos mais vistos e concorridos da cidade.

– Provar um sanduíche do quiosque famoso “Barraca do Uruguai”, na área mais badalada, bem no meio da praia de Ipanema: o posto 9.

– Caminhar pela ciclovia para admirar as esculturas de areia ao longo do trajeto.

– Aos domingos, dar uma esticada para a feira hippie

– Com sorte, ver um treino da seleção feminina de vôlei de praia que treina nessas areias.

Como chegar

A melhor opção é o metrô. Só pegar a linha 1 e descer na estação General Osório. Daí, é seguir por alguns metros na direção da orla, na Avenida Vieira Souto.

#2 Leblon

A praia do Leblon é praticamente uma continuação de Ipanema, só se separando dela por causa do Jardim de Alá e do canal que leva até a Lagoa Rodrigo de Freitas. Juntando as duas, temos uma área praiana bem família da zona sul da cidade.

Falando em família, as crianças (e os pais) são felizes no quiosque Baixo Bebê, que tem um playgroundzinho na areia e até um espaço para troca de fraldas. Por isso, quem está acompanhado dos pequenos costuma ficar nessa área. Ele fica na altura do posto 10, bem em frente à rua General Venâncio Flores. 😉

Bem parecida com Ipanema, a praia do Leblon tem uma infra bacana com quiosques e restaurantes ao longo da orla.

Como se não bastassem esses adicionais e a beleza das próprias praias, tanto do Leblon como de Ipanema, você pode contar com a companhia dos Dois Irmãos, onde fica o Vidigal.

Praias do Rio de Janeiro - Leblon

Os Dois Irmãos servindo de plano de fundo para a praia do Leblon (foto: Flickr/Rodrigo Soldon 2)

O que não perder

– A vista do Mirante do Leblon, de onde a gente vê toda a orla até Ipanema.

Como chegar

Também pela linha 1 do metrô, só que agora descendo na estação Ipanema. Daí, é pegar a integração com o Metrô na Superfície sentido Gávea, bem em frente à estação. No final, desça na estação Afrânio de Melo Franco ou na Antero de Quental.

#3 Copacabana

Ela tem o apelido de “Princesinha do Mar”. Também pudera: é uma das mais famosas do mundo. Se Copa pudesse, até assinava autógrafo. E não é só a beleza que faz a fama dela. O Reveillón carioca não seria o mesmo sem as pirotecnias da praia, com milhares de expectadores ao vivo e outros mais pela TV.

Como é de se esperar, ela é cercada de quiosques e restaurantes que atendem diariamente frequentadores e turistas. Só que ser tão celebridade tem seu preço. Acaba sendo um alvo mais comum dos pickpockets, que estão cada vez mais abusados. Por isso, é sempre bom andar atendo por lá. É um olho no mar, outro nos seus pertences.

Praia de Copacabana - corrida no Rio de Janeiro

O famoso calçadão de Copacabana (foto: Wikimedia Commons/Mteixeira62)

O que não perder

– Caminhar pelo famoso calçadão ondulado. Sabia que essas pedrinhas foram importadas de Portugal?

– Tomar um café na confeitaria Colombo do Forte de Copacabana de cara para um dos cartões postais mais lindos do Rio. A confeitaria fica aberta de terça a domingo, das 10h às 20h. Você paga um ingresso de R$ 6 (inteira)/R$ 3 (maiores de 60 anos e estudantes) para entrar no Forte. Militares, maiores de 80 anos e menores de 10 anos são isentos.

– Ver o Copacabana Palace bem de frente para a orla.

Como chegar

A opção mais conveniente ainda é o metrô. Na linha 1, desça em uma das estações: Siqueira Campos, Cardeal Arcoverde ou Cantagalo.

#4 Praia Vermelha

Você me pergunta: por que ela tem esse nome? Pelas suas areias, que são avermelhadas. Criativo, né? #sqn

Independente disso, essa é uma das minhas preferidas. Ela é pequena e fica entre dois morros, mas isso não impede que tenha um banho delicioso. As águas são bem calmas, o que acaba beneficiando, além das crianças, a galera do stand up paddle, caiaque e canoa havaiana.

Para completar, a Praia Vermelha ainda tem o benefício de estar bem pertinho da entrada do Bondinho Pão de Açúcar, um dos cartões postais badalados do Rio de Janeiro. Que tal curtir a praia depois desse passeio? Fica a dica!

No que diz respeito a infraestrutura, ela tem alguns quisquinhos perto, mas nada demais. Até porque, já disse, ela não tem tanto espaço. Mas, você pode contar ainda com o restaurante dentro do Círculo Militar que fica ali na beira da praia.

Praias do Rio de Janeiro - Praia Vermelha

Olha o Pão de Açúcar ali pertinho…

O que não perder

– Alugar uma prancha e praticar stand up.

– Almoçar com vista para o Pão de Açúcar, no restaurante Terra Brasilis, esse que fica dentro do Círculo Militar. Isso só vai ser possível quando ele reabrir, a partir de 23/09, por conta das olimpíadas.

Como chegar

Pensou que ia falar metrô de novo? Nah! Dessa vez, a escolha vai ser pelos ônibus mesmo. Pegue uma das linhas 107, 511, 512, 513 e 581,e desça nas proximidades da Praça Felix Laranjeiras, perto da UNIRIO. Daí, é seguir andando para a Praia Vermelha.

#5 Prainha e Grumari

Por serem as mais preservadas do Rio de Janeiro, essas são as praias para quem curte um contato maior com a natureza. São limpinhas e selvagens!

Elas ficam numa reserva ambiental onde até o acesso de carros é controlado, para fins de preservação. Prainha é a menor e bastante procurada pelos surfistas para boas ondas. Das duas, o que você pode esperar é paz e tranquilidade. Talvez seja por isso que algumas pessoas curtam vir aqui fazer ensaios fotográficos.

Num cantinho de Grumari fica a praia do Abricó, uma área naturista, a única desse tipo no Rio. Mas não se preocupe, as pessoas que curtem essa prática ficam numa região onde tem pedras tampando.

O negócio é que a infraestrutura também é limitada, quando comparada às praias da Zona Sul, mas costuma atender bem aos poucos frequentadores.

Praias do Rio de Janeiro - Grumari

O recanto de Grumari (foto: Flickr/Marinelson Almeida)

O que não perder

– A vista espetacular do restaurante Point de Grumari, que não fica bem na praia, estando aqui… O restaurante funciona de segunda a sexta, de 11h30 às 18h. Nos sábados, domingos e feriados, eles trabalham das 11h30 às 19h.

Como chegar

Aqui não tem jeito. Só de carro mesmo para chegar nessas praias. E tem que madrugar mesmo para garantir seu lugar, especialmente nos finais de semana, feriados e férias. Como contei antes, o acesso de veículos é limitado em quantidade.

Querendo mais detalhes, a Gi, do Aprontando as Malas, tem uma matéria com dicas certeiras para quem está pensando em experimentar as águas de Grumari. 😉

#6 Barra da Tijuca

Pense numa das maiores praias do Rio, frequentada por uma galera jovem com astral lá em cima e uma infraestrutura de quiosques e restaurantes bacanuda. Você acabou de pensar na praia da Barra da Tijuca.

Aqui você vai achar gente vindo de vários cantos da cidade para encontrar seu canto nessas areias e, também, praticar esportes tipo o windsurf e o surf. Normalmente, alguns postos acabam sendo mais populares que outros. No entanto, nos dias mais lotados, é questão de ter paciência de achar aquele que te deixe mais confortável. Mas fato é que sempre vai ter espaço para você.

Outro motivo para adotar a praia da Barra: ela é uma das melhores também para os adeptos da corridinha ou bike, já que tem um dos calçadões mais longos. Particularmente, amo muito isso. Sou uma das que você deve achar por aqui de patins.

Para quem vai de carro, ela também é uma ótima escolha. Tem espaço para estacionamento em vários pontos da orla. O inconveniente são os flanelinhas que cobram uns R$ 5 pela vaga.

Com a instalação do metrô na Barra, uma certeza a gente tem: ela vai ficar mais pop ainda.

Praias do Rio de Janeiro - Barra da Tijuca

Praia da Barra, quanta orla! (foto: Wikimedia Commons/Rafael Rabello de Barros)

O que não perder

– Almoçar um bom pintado na brasa no Toca da Traíra, que fica na altura do posto 8. O restaurante funciona todos os dias a partir das 11h, tanto para almoço como para jantar.

– Ir até a Barraca do Pepê, se quiser, por acaso encontrar com alguma celeb. Ela fica na altura do posto 2 e é uma das mais frequentadas da praia.

Como chegar

O terminal da Alvorada fica razoavelmente próximo, daí  vai ter várias opções de transporte, só incluir o BRT no circuito.

Para descer bem na praia, os ônibus 692, 693 e 991A passam pela praia e pelo terminal da Alvorada.

#7 Recreio

Do mesmo jeito que a praia do Leblon é quase uma extensão de Ipanema, a do Recreio é da Barra. Entonces, minha gente, as duas são muito parecidas: boa infra, público democrático, etc, etc.

As ondas aqui costumam ser ainda mais fortes, o que faz com que os surfistas venham mais para esse lado. Inclusive, tem até umas escolas de surf na área, a quem interessar possa.

Praias do Rio de Janeiro - Pontal

Do Leme ao Pontal, o Rio de Janeiro é lindo! (foto: Wikimedia Commons/Fwellish)

O que não perder

– Assistir os treinos dos surfistas. Com sorte, ainda dá para ver alguma competição, já que algumas acontecem aqui.

– Ficar de olho no mar para ver se consegue observar uma baleia. Mês passado teve uma passeando pela orla dessa praia.

– Com disposição para esticar até a praia do Pontal, por que não fazer a trilha e ter uma vista incrível da orla?

Como chegar

Em termos de transporte coletivo, por ora, na Zona Oeste do Rio, só ônibus mesmo. As linhas que passam lá são a 361, 553, 817A, 820A, 954A, 959A e 2329. Depois, é descer num ponto entre o posto 10 e 12.

Para curtir o verão como os cariocas

– Não esqueça de se hidratar com uma boa dose de água de coco geladinha. Você encontra nos quiosques na faixa dos R$4-7, um pouco inflacionado, admito.

– Se vista como um carioca. O figurino basicão é simples. Além da roupa de banho (claro!), coloque as havaianas e um bom óculos de sol. Para as meninas, completem com uma bolsa simples recheada com uma canga para estender na areia. Se não tiver uma, pode deixar que algum vendedor ambulante vai passar oferecendo algumas com estampas típicas como o calçadão de Copacabana, o Cristo Redentor ou a bandeira brasileira.

|Se quer dicas para montar a mala para curtir a praia, clique aqui.|

Enquete

Que outras praias do Rio de Janeiro vocês incluiriam nessa listinha?

Esta matéria faz parte da Blogagem Coletiva dos Pequenos Grandes Viajantes com o tema de “Uma estação do ano em algum destino”. Os outros blogs participantes desse movimento são esses aqui embaixo, pode conferir!

Praias do Rio de Janeiro - Blogagem Coletiva

– Destinos por onde andei… – Primavera em Nova York 

– Mariana Viaja – Verão na Espanha: passeios em Barcelona e Madri

– Outro blog (Katarina Holanda) – Inverno em Banff | Montanhas Rochosas Canadenses

– A Casa na Mala – Qual a Melhor Época do Ano Para Viajar à Europa? 

– Por aí com os Pires – Flórida no verão

-Família Viagem – As cores do outono em Seattle

– Pegadas na Estrada – Outono na Islândia, uma estação surpreendente!

– Viajonários – O que fazer na Califórnia no inverno

– Foco no Mundo – Como sobreviver ao inverno europeu

– O Melhor Mês do Ano – O que levar para o Atacama em cada estação do ano

– Escolho Viajar – Patagônia no verão – a melhor estação para a visitar

– Caixa de Viagens – Alpes italianos – onde curtir o inverno nas 5 cidades italianas mais charmosas, badaladas e com estações de esqui na região

– Vaneza com Z – 10 coisas para fazer no Verão em Salvador

– Cantinho de Ná – Como é New York na primavera

-Viagens que Sonhamos – Inverno na Serra Gaúcha

– A Path to Somewhere – 10 lugares para curtir o outono em Nova York

– Mochilão Barato – Mochilando no Inverno Europeu

– Viagens Invisíveis – Inverno em Malta, vale a pena?

– Alyssa Prado Blog – 6 Motivos para visitar Floripa no Inverno

– Viajando em Familia – Orlando no Verão ou Inverno?

– Apure Guria! – Sobrevivendo ao inverno na Nova Zelândia

– #KariDesbrava – Cinco lugares para curtir o frio no estado do Rio de Janeiro

– Ligado em Viagem – Dobel na Alemanha, muita neve na região de Baden-Württemberg

– Pequeno Grande Mundo – Em Manaus é verão o ano inteiro

– Destino Mundo Afora – Inverno na Serra Catarinense

– The Nat’s Corner – Verão Europeu: O Que Levar na Mala

– Uma Senhora Viagem – Dois Outonos Diferentes na Europa

– Devaneios de Biela – As Cores e os Contrastes de Cartagena na Primavera

– Baianos no Polo Norte – 10 motivos para visitar Toronto no verão

dayanalole Administrator

Apaixonada pela vida, tenta viver a expressão "carpe diem". Acredita que cada viagem é um meio de aprender mais sobre a humanidade e o seu próprio eu, por isso ama pôr o pé na estrada. Gosta de contribuir para que outras pessoas tenham experiências cada vez melhores de viagem, por isso quando sabe que um amigo vai viajar, já vem com sua listinha de dicas. A melhor viagem? É sempre a do momento.

36 comentários

  • As cores do outono em Seattle | Família Viagem
    Postado em 29/07/2016 em 12:02 Responder

    […] Lolepocket – 7 praias do Rio de Janeiro para curtir o verão como os cariocas […]

  • Sobrevivendo ao inverno na Nova Zelândia - Apure Guria!
    Postado em 29/07/2016 em 12:04 Responder

    […] – Lolepocket – 7 praias do Rio de Janeiro para curtir o verão como os cariocas […]

  • Cristina Rocha
    Postado em 29/07/2016 em 2:26 Responder

    Olá, Dayana!

    Adoro esse tipo de post em listas! Escolheu super bem cada praia, parabéns!!!
    Quando voltarmos ao RJ, vamos querer visitar algumas praias da sua listinha que ainda não conhecemos 🙂
    Abraços, Cristina e Renato

    • dayanalole
      Postado em 29/07/2016 em 5:36 Responder

      Poxa, foi super difícil selecionar. Fiquei triste de ter deixado de fora algumas, mas foi uma questão de prioridades! haha
      Depois me contem qual vocês visitaram. Sempre adoro saber as experiências de outros viajantes!:)

  • Lívia Bellotti
    Postado em 29/07/2016 em 3:25 Responder

    Excelentes dicas, parabéns!

    • dayanalole
      Postado em 29/07/2016 em 4:06 Responder

      Obrigada, queridaaaa! 🙂

  • Mariana Bueno
    Postado em 29/07/2016 em 5:32 Responder

    Esse Rio de Janeiro todo maravilhoso né! Amo morar aqui! E o melhor de tudo é que é verão (quase) o ano inteiro, então dá pra aproveitar sempre essas praias. E incluiria o Leme – mesmo sendo ‘parte’ de Copacabana, mas é um dos meus cantinhos preferido de lá pq acho que foge um pouco do ‘turistão’ de Copa, mais tranquilo… Mas gostei dessa ordem da lista, já fui em todas elas. =)

    • dayanalole
      Postado em 29/07/2016 em 5:33 Responder

      Ah, adorei a sugestão. Leme também seria uma boa!
      Fiquei super na dúvida na hora de montar essa listinha. Tem muita opção de praia boa no Rio. 🙂

  • 6 Motivos para visitar Floripa no Inverno
    Postado em 29/07/2016 em 5:58 Responder

    […] – Lolepocket – 7 praias do Rio de Janeiro para curtir o verão como os cariocas […]

  • debora galizia
    Postado em 29/07/2016 em 8:15 Responder

    Como o Rio de Janeiro é lindo, né?
    Fiquei babando nas fotos… Parabéns!

    • dayanalole
      Postado em 30/07/2016 em 10:26 Responder

      Obrigada, querida Debora! 🙂
      O Rio realmente é lindo demais!!! Adoroooo!

  • Vaneza Narciso
    Postado em 29/07/2016 em 11:09 Responder

    A beleza do litoral do Rio é incrível!
    Certa vez, assisti o pôr do sol do Arpoador e simplesmente fiquei sem palavras, é lindo demais!
    Mas tu acredita que eu nunca pisei nas águas das praias daí? Que vergonha… mas com esta lista, vou tomar providências…rsrs.
    Abraços!

    • dayanalole
      Postado em 30/07/2016 em 10:28 Responder

      Não creioooo! Que pecado, menina! Tem que voltar para vir numa praia daqui. rs
      Espero que curta muito! E depois volta e me conta qual foi a sua preferida, tá?

      Beijo!

  • Ana Zacchello
    Postado em 30/07/2016 em 9:07 Responder

    Adorei o post! Lindas fotos e dicas ótimas para aproveitar o melhor das praias! 🙂

    • dayanalole
      Postado em 31/07/2016 em 12:22 Responder

      Obrigada, Ana! A ideia é essa mesma: ajudar a aproveitar o que cada cantinho desse mundo tem de melhor. 🙂

  • Lilian Azevedo
    Postado em 31/07/2016 em 12:19 Responder

    Oi,Daiana
    Tentei comentar pelo celular mas seu post só abria a primeira praia,ainda bem que tentei de novo e dei de cara com esse super post !
    As fotos estão tão perfeitas que quase dei um mergulho aqui. Lindas, Parabéns ! Circuito perfeito. Adoro a Praia Vermelha, Prainha e Grumari mas todas têm sua beleza e peculiaridade. beijocas

  • Camila Lisbôa
    Postado em 31/07/2016 em 10:16 Responder

    A minha preferida é a Vermelha – já que me dá menos medo (não sei nadar, shame on me…). Mas mesmo assim, me arrisco pouco a entrar na água GELADÍSSIMA do Rio…. pra mim é muito fria, não me acostumo! rs…

    • dayanalole
      Postado em 01/08/2016 em 12:40 Responder

      Menina, sabe que também nunca me acostumo com essa água gelada do Rio?
      Mas até que ela é um conforto naquele forno de 40 graus do verão carioca. 😛

      Beijo!

  • Aline Pires
    Postado em 31/07/2016 em 10:49 Responder

    Como uma Carioca, apaixonada pelo Rio e todos seus encantos (inclusive as prais) amei cada ponto do seu post.

    • dayanalole
      Postado em 01/08/2016 em 12:38 Responder

      Obrigada, queridaaaa! 🙂
      Fico super feliz em ser aprovada por você. Significa muito!

      Beijo!

  • Tatiana Dornelles
    Postado em 01/08/2016 em 3:07 Responder

    Amo o Rio de Janeiro e morei por sete anos na Zona Oeste, em Campo Grande. Matava aulas para ir para as praias! hehehe Amei o post e matei um pouquinho da saudade da Cidade Maravilhosa!

    • dayanalole
      Postado em 01/08/2016 em 3:20 Responder

      Nossa, já morei em CG city também. haha! Que coincidência engraçada. 🙂
      Mas essa cidade é maravilhosa mesmo, né? Amo das praias a tudo que é cantinho. <3

      Beijo!

  • Simone Hara
    Postado em 03/08/2016 em 4:49 Responder

    Acredita que morei quase um ano no Rio e não conheço todas essas praias?
    Tá na hora de voltar pra turistar!

    • dayanalole
      Postado em 03/08/2016 em 7:22 Responder

      Ah, então tá na hora de voltar para turistar mesmo. 😉
      Aí depois vou querer saber as suas preferidas! rs

      Beijo!

  • Karen Regina
    Postado em 03/08/2016 em 10:22 Responder

    Depois deste post só sei de algo: preciso voltar ao Rio. Ainda há tanto por conhecer dele! Adorei suas dicas 🙂

    • dayanalole
      Postado em 03/08/2016 em 10:08 Responder

      Obrigada, Karen!
      E o Rio tá valendo a visita mesmo, ainda mais agora com esse legado das Olimpíadas.

      Beijo!

  • Katarina Holanda
    Postado em 07/08/2016 em 10:44 Responder

    Eu não sou muito de praia, gosto mais da vista mesmo e suas escolhas foram lindas! Duas delas ainda nunca fui. No Rio não conheço muito mais, mas amo a Região dos Lagos. <3

    • dayanalole
      Postado em 08/08/2016 em 7:42 Responder

      Obrigada, querida!!!
      Mas as praias do Rio servem para serem admiradas também, não acha?
      Eu, às vezes, só vou para olhar o mar. Sei lá, ajuda a desestressar.
      Também adoro a Região dos Lagos, não só pelas praias, mas pelas outras atividades eco que tem por lá. 😉

  • Lidiane Santiago
    Postado em 07/08/2016 em 5:22 Responder

    Adorei a aula de praias cariocas! Como nunca fui ao Rio, só conheço pelos nomes, e me confundo toda . Ótimo post!

    • dayanalole
      Postado em 08/08/2016 em 7:40 Responder

      Obrigada, Li!
      Caramba, menina! Tá na hora de marcar uma trip para a Cidade Maravilhosa, né? 😉

  • Como é New York na primavera - Cantinho de Ná
    Postado em 10/08/2016 em 9:45 Responder

    […] – Lolepocket – 7 praias do Rio de Janeiro para curtir o verão como os cariocas […]

  • Gisele Prosdocimi
    Postado em 19/08/2016 em 11:35 Responder

    Mensagem *

    • Gisele Prosdocimi
      Postado em 19/08/2016 em 11:37 Responder

      Dar dicas de praias pra quê, você já falou tudo aqui, post super completo e lindo. Adorei!

      • dayanalole
        Postado em 19/08/2016 em 11:41 Responder

        Obrigada, Gi! 🙂
        Vindo de você, me sinto ainda mais lisonjeada!

  • 10 lugares para curtir o outono em Nova York - A Path to Somewhere
    Postado em 20/08/2016 em 1:05 Responder

    […] – Lolepocket – 7 praias do Rio de Janeiro para curtir o verão como os cariocas […]

  • renata Sucena
    Postado em 27/12/2016 em 12:35 Responder

    Adorei as dicas e as fotos maravilhosas!! Rio é lindo demais!!!

Deixe um comentário

© Copyright 2014-2017 Lolepocket. Todos os Direitos Reservados.